IMPRENSA / NOTÍCIAS



 Quinta-Feira, 18 de Maio de 2017
Secretaria Assistência Social
Caminhada busca sensibilizar comunidade sobre violência contra a criança e adolescente
Autor: Angela Fogaça
Assessoria/Lázaro Nunes Assessoria

Foi realizada hoje a Caminhada de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Organizada pelo Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), a caminhada contou com a presença do prefeito Noboru Tomiyoshi, de secretários, Guarda Mirim, vereadores e estudantes, entre outras entidades representativas.

Para o prefeito, foi um manifesto de repúdio à violência e abuso sexual contra criança e adolescente. “É uma manifestação onde se faz um grito das nossas crianças e adolescentes nesse combate. Precisamos do envolvimento de todos, comunidade, professores, autoridades e principalmente das famílias para combater esse tipo de crime”, ressaltou.

A juíza da vara da Infância e Juventude,  Giselda Regina Sobreira de Oliveira Andrade, também proferiu uma mensagem para os participantes da caminhada. Ela pontuou que é preciso chamar a atenção da sociedade e das crianças e adolescentes sobre a necessidade de se fazer a denúncia.

“Não deve se esconder, tem que denunciar. Quero lembrar também a todos que são pais, mães ou responsáveis legais, que também são responsáveis em denunciar se tiver conhecimento de algo. Lembrando sempre que a vítima nunca tem culpa. Ninguém merece esse tipo de violência”, afirmou.

Agda Cazellato, coordenadora do CREAS, ficou bastante satisfeita com a boa participação da sociedade na caminhada. “Fizemos o convite e a sociedade, as escolas, aceitaram nosso chamamento e compareceram, superando as nossas expectativas”, apontou.

O dia 18 de maio foi estabelecido como o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Neste dia, em 1973, uma menina de 8 anos, de Vitória (ES), foi sequestrada, violentada e cruelmente assassinada. Seu corpo apareceu seis dias depois, carbonizado e os seus agressores nunca foram punidos.



Área restrita
acesse o seu webmail